Santa Cruz Ocean Spirit regressou com muito desporto e muita música Promotorres EM

Santa Cruz Ocean Spirit regressou com muito desporto e muita música

O Santa Cruz Ocean Spirit – Festival Internacional de Desportos de Ondas voltou a Santa Cruz, depois de dois anos de interrupção devido à pandemia. A 14.ª edição do evento realizou-se entre 15 e 24 de julho na Praia do Mirante, onde a Aldeia Neptuno proporcionou atividades para todas as idades.

“O espírito dos oceanos voltou aqui a Santa Cruz de uma forma muito substantiva, cordial, alegre e com muita qualidade” afirmou a presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Laura Rodrigues, na noite de encerramento do festival, destacando Santa Cruz como um lugar privilegiado para a prática de desportos de ondas.

O programa desportivo desta edição contou com a realização do Internacional de Skimboard, do Eurosurf Junior e da 4.ª etapa do Campeonato Nacional de Bodysurf, assim como uma sessão livre e não-competitiva de jet ski. Ao todo, passaram pelo Santa Cruz Ocean Spirit mais de 400 atletas originários de cerca de 20 países.

No quadro competitivo, as atenções centraram-se no Eurosurf Junior, em que Espanha se sagrou Campeã da Europa. No pódio por equipas seguiram-se França, Portugal e Inglaterra, num campeonato em que 171 atletas surfaram 2.846 ondas.

Na piscina da Aldeia Neptuno, crianças e jovens puderam experimentar diversas modalidades aquáticas, enquanto na funzone encontravam um trampolim, raquetas de praia, ténis de mesa e tiro com arco. Durante a semana, foram, ainda, dinamizadas aulas ao por do sol para todas as idades, em parceria com várias entidades locais.

A vertente musical do evento contou com nomes de relevo da música nacional, como Frankie Chavez, Deejay Kamala e NBC, Dino D’Santiago e Mastiksoul.

“Estamos extremamente satisfeitos com a forma como o Santa Cruz Ocean Spirit decorreu” defendeu o presidente da empresa municipal Promotorres, Rui Penetra. “Hoje podemos afirmar que realizámos um evento equilibrado, com desporto e música, onde a componente ambiental e de sustentabilidade tem também uma elevada preponderância. Estamos também muito gratos a todos os parceiros do evento.” concluiu.

“Recuperação dos Ecossistemas” foi o tema da Tenda Pedagógica, onde foram dinamizadas 47 atividades de sensibilização e educação ambiental, que contaram com a participação de 666 crianças e jovens.

O festival voltou a ser um Eco-Evento Valorsul, tendo sido recolhidos 937 kg de resíduos para reciclagem. A recolha diferenciada de embalagens, vidro, papel e cartão originou uma contrapartida financeira de 88,43 €, que irão reverter para o projeto “Mar à Deriva”.

O Santa Cruz Ocean Spirit integrou, ainda, o projeto internacional “CAPonLITTER – Capitalizar boas práticas de gestão costeira e melhorar políticas para prevenir o lixo marinho”.